Este, é um espaço não oficial.


ESTE É UM ESPAÇO NÃO OFICIAL.
Bem vindo. Serve este espaço para divulgar acções, noticias ou acontecimentos relacionados com o CI em particular e com a PSP em geral, e ainda, assuntos que de alguma forma, para nós, tenham alguma importância a nível profissional, social e/ou cultural...

Todos poderão participar, mandem artigos para serem publicados na página principal para a.fortiori.ci@gmail.com

Guestbook LIVRO DE VISITAS

Processo casa pia ...

(...)a operação de segurança do Comando da PSP de Lisboa começará com uma vertente preventiva. Antes do início da leitura do acórdão, todo o espaço do Campus da Justiça será vistoriado por elementos da Unidade Especial de Polícia (UEP) para a detecção e inactivação de explosivos.
Além da sala de audiências, do edifício das Varas Criminais e dos outros imóveis do Campus, os agentes da UEP irão também passar a pente-fino todo o subsolo daquele espaço. O objectivo é o mesmo: detectar todo o tipo de objectos estranhos. Em caso de detecção de algum engenho explosivo, será de imediata isolada a área, procedendo-se à inactivação do mesmo.
.
Para assegurar uma resposta eficaz a eventuais distúrbios no interior ou exterior do edifício das Varas Criminais, o Comando da 2ª Divisão da PSP de Lisboa solicitou o apoio do Corpo de Intervenção (CI). Assim, uma equipa de oito agentes desta subunidade da Unidade Especial de Polícia estará de prevenção no quartel da Calçada da Ajuda.
.
Os operacionais do Corpo de Intervenção têm ordem para sair das instalações que ocupam apenas por indicação superior. Equipas de Intervenção Rápida assegurarão o patrulhamento enquanto isso não acontecer.
(...)
fonte CM

2 comentários:

  1. "afortiori68"4 de setembro de 2010 às 19:30

    A "PSP"(Polícia de Segurança Publica) e a "UEP" (Unidade Especial de Policia) mais uma vez estão de parabéns,pois tiveram mais uma operação de segurança com sucesso :)

    ResponderEliminar
  2. Pois muito interessante, mas mais uma vez não foi nada disto o que se passou. Mais uma vez o CI esteve no terreno, nada de reserva, nenhuma equipa de intervenção rápida foi vista no local, deviam estar de reserva. O comandante do CI devia estar mais atento a estas situações.

    ResponderEliminar